• Marcio Kroehn

Mano Menezes é um mau investimento, hoje



Mano Menezes não é mais o técnico do Cruzeiro Esporte Clube.


Foram quase 4 anos no comando da Raposa, onde ganhou 4 títulos – dois estaduais e 2 copas. Ao todo foram 235 jogos (112v/69e/54d), com 333 gols marcados e 205 sofridos.

A trajetória do treinador é positiva, mas não é de encher os olhos. Como a Renda Fixa. Quer ver?


Mano prefere a cautela ao risco. Às vezes, aposta no ataque, mas nunca desmonta a estratégia defensiva. O resultado é sempre previsível: empate nunca é mau resultado e a "melhor" vitória é pelo placar mínimo. Isso, claro, não é ruim.


O estilo conservador pode sair vencedor, como nos investimentos. Até pouco tempo, a Renda Fixa, com os juros altos, era o Mano. Se havia retorno, para que correr riscos?


Mas, como no futebol, o mercado financeiro tem ciclos. Agora é a hora da Renda Variável - e de Jorge Sampaoli. É preciso arriscar para multiplicar o patrimônio. Isso significa que rentabilidade não vem mais com retranca.


A diferença é que nos investimentos é recomendado balancear a carteira, com parte dos ativos em Renda Variável e Fixa.


No futebol a estratégia deveria ser igual. Mano tinha todas as informações que precisava (além de bons ativos), mas preferiu fazer o que sempre fez, afinal, dava resultado.


Mas resultados passados não significam rentabilidade futura. Agora, ele vai ter de se reciclar.


E você, vai ser Mano ou Sampaoli nos #investimentos? #economia #esporte


(Texto publicado inicialmente no LinkedIn)

5 visualizações0 comentário
  • Instagram Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube ícone social
  • Facebook Social Icon

©2016 Márcio Kroehn. Criado por Wix.com e desenvolvido por Tiago Galvão Designer